Pecado da IMODÉSTIA - Cruzada Mariana 2° parte

sexta-feira, 21 de janeiro de 2011

Por que ser modesta?

A IMODÉSTIA NOS VESTIDOS DAS MULHERES É TÃO IMPORTANTE QUANTO NOS É APRESENTADA ÀS VEZES?

É extremamente importante, muito mais do que muitas mulheres compreendem. De fato, é o ponto de partida obrigatório para uma genuína Cruzada pela Pureza.
Foi somente após a introdução em larga escala das modas imodestas na sociedade que as forças de corrupção puderam, com sucesso, inundar o mercado com uma literatura altamente obscena e tumultuar os teatros e as ondas de transmissão com figuras imorais. Como, então, podemos esperar acabar com todas essas coisas se nos falta a coragem de pôr um termo ao fato de que nossas próprias mulheres Católicas marchem no “vergonhoso desfile da carne”? O primeiro passo, pois, para a modéstia social é a modéstia de nossas mulheres.

AS MULHERES ESTÃO DESPREVENIDAS DO MAL DAS MODAS IMODESTAS?

Muitas recusam crer que seus adornos semi-nus sejam a fonte de inúmeras e perigosas tentações para o sexo oposto. Algumas negam qualquer responsabilidade ao levar outros ao pecado por esta via. Outras tentam cobrir sua culpa por meio de insinuações indecentes como: “Ele deve ter uma mente suja”.

COMO VOCÊ EXPLICA TAIS ATITUDES?

Algumas mulheres certamente conhecem mais. Ainda assim, muitas outras atualmente desconhecem o fato de que o instinto sexual é mais forte nos homens do que nas mulheres. “Um escasso enfeite em um homem não me afeta em nada”, dizem algumas mulheres, e geralmente com sinceridade. A questão implicada é: Por que os homens são tentados por um escasso enfeite de uma mulher? Outra observação impertinente, “Não é mais que pele”, não leva em conta que é precisamente a pele que desperta a concupiscência no homem.

NÃO HÁ NENHUMA RAZÃO SÓLIDA PARA DEIXAR AS MULHERES EM TAL IGNORÂNCIA NUMA MATÉRIA TÃO SÉRIA

Alguns homens são afligidos com pensamentos e desejos impuros pelo simples fato de olharem um belo rosto feminino, ainda que uma mulher tenha um comportamento e vestidos modestos. Mas quando o comportamento é imodesto, ela se torna uma tentadora para muitos homens normais, que caem diante de tais seduções:
“Todo aquele que lançar um olhar de cobiça para uma mulher, já adulterou com ela em seu coração” (S. Mateus V, 28). As mulheres que são indiretamente imodestas estão incluídas nesta sentença, sendo cooperadoras com os pecados dos homens.

ISTO NÃO PROVA QUE TAIS HOMENS “TÊM UMA MENTE SUJA”?

De modo algum. Deus fez com que a mulher fosse bela e atraente ao homem por que assim era conveniente ao Seu projeto de procriação dos homens dentro de um matrimônio legítimo. Como conseqüência do pecado original, o homem deve constantemente lutar para dominar esta atração. Se não o faz, e se não se fortifica por meio da oração, o pecado rapidamente entra em sua alma e o adultério no seu coração.
Esta é a razão pela qual os autores ascéticos previnem os homens contra admirar intencionalmente o rosto de uma mulher. O mundo consideraria Santo Afonso um louco por ter feito o voto de jamais olhar na face de uma mulher, incluindo sua própria mãe. Mas Santo Afonso o fez, pois estava determinado a passar por esta vida sem contrair um só pecado mortal: “A vida do homem sobre a terra é um combate” (Jó VII, 1).
O mundo, incluindo os Católicos mundanos, ignora as regras sólidas do ascetismo, que sempre foram apresentadas no Antigo Testamento, como: “Não detenhas o olhar sobre uma jovem, para que a sua beleza não venha a causar tua ruína” (Eclo IX, 5). “Muitos pereceram por causa da beleza feminina, e por causa dela inflama-se o fogo do desejo” (Eclo IX, 9).

A MULHER É, ENTÃO, CONSIDERADA COMO ALGO MAU E QUE DEVE SER EVITADO?

Não! Mas esta questão está inteiramente relacionada com o assunto. Seu grau de bondade depende de quão fielmente ela desempenha a função que Deus lhe deu, como auxiliar do homem e não como sua tentadora. Pela sua modéstia ela pode usar seu encanto para domar as paixões do homem; pela imodéstia sua beleza se torna a ruína do homem.
Isto torna as mulheres as guardiãs da castidade no mundo.
Eis porque Deus deu à mulher um senso muito mais delicado de modéstia do que ao homem. Não somente para proteger sua própria integridade, mas também para proteger o homem contra a fúria de suas paixões. Quando a mulher é modesta, o homem será o único culpado se ele cair nas tentações da carne. Mas quando ela decide expor partes do corpo que deveriam estar cobertas se torna uma sedutora, partilhando assim a culpa do homem. De fato, os Teólogos ensinam que o pecado da sedutora é muito maior que o da pessoa seduzida.

POR QUE ESTE SENSO DE MODÉSTIA ESTÁ AUSENTE EM TANTAS MULHERES?

Elas o perderam. Isso ocorre freqüentemente na infância, quando as mães fazem com que suas crianças considerem normal o uso de vestes curtas.
Este senso de culpa ou de vergonha é perceptível, mas em menor grau, no que diz respeito aos outros pecados. Quando uma criança diz sua primeira mentira, ela cora. Após sua centésima mentira, não acontece nada. Assim também, quando uma menina aparece em público pela primeira vez com vestes imodestas, ela experimenta o sentimento de vergonha; o senso de modéstia ainda está presente. Após aparições repetidas este senso de vergonha rapidamente vai embora. Mas Deus plantou este senso de modéstia no coração de cada mulher.
Esta perda feminina do senso de modéstia é indicada por Pio XII, que diz: “Quantas jovens há que não vêem nenhuma má ação ao seguirem certos estilos vergonhosos, como se fossem ovelhas. Elas certamente corariam se pudessem adivinhar à impressão que causam e os sentimentos que produzem naqueles que as vêem (17 de julho de 1954).”

Continua (...)

5 comentários:

Joelma Benicio*´¯`*.¸¸.*´¯ disse...

Olá amiga, obg pela apostila tô lendo na íntegra.

Confesso a vc que fui criada dentro da modéstia, no vestir e se comportar, essa foi uma herança belíssima que recebi dos meus pais, que levo hoje em dia pra minha vida e ensino meus filhos. Sou taxada muitas vezes de cafona, fora de moda, que o mudo hoje é diferente...essas heresias que as pessoas dizem e que pra elas é tudo normal. Só que pra mim não convem, me visto de maneira a não deixar rastro de pecado em nenhum olhar. Me policio muito, pois sou de estatura alta e pessoas altas já chamam atenção por natureza, mas procuro ser discreta pois assim aprendi de minha criação. Que bênçãos saber de vc, tem sido enriquecedor essa troca de conhecimentos. Que Deus te abençoe e te faça santa e Maria Santíssima esteja sempre ao seu lado.

A paz de Cristo, bjs no coração.

Maria Luiza disse...

Olá, Giovana, concordo com o texto. As mulheres andam abusivas no trajar. E o que muito me entristece é ver as mães que vestem seus bebês com roupas adultas. Onde estão as menininas com os vestidinhos rodados? Reparastes agora, como andam? Muito triste! tomar a comunhão é mais contundente ainda. Total desrespeito a Deus e tormenta para os padres. Giovana, sinta-se abraçada!

Giovana disse...

Salve Maria!

Que alegria saber que vc pratica a modéstia, fico muito feliz! Por um momento achei que tinha te assustado no msn com a nossa conversa, mas percebo que não!

Sim, esta apostila é uma benção, quem sabe um dia vc ainda possa palestrar sobre ela?!


Fiquemos com Deus!

Giovana disse...

Salve Maria!

Maria Luiza eu já estava sentindo sua falta!
Sim, mas perceba que vc como catequista e mesmo se não fosse, pode e deve ajudar a Santa Igreja; claro, primeiro com o exemplo e depois também com palavras e repreensões. Óbvio que devemos repreender com caridade, pq infelizmente a maioria das mulheres estão envolvidas nas máximas do mundo.

Fiquemos com Deus!

Tenha uma santo final de semana.

tanogawa disse...

Olá, Giovana!
Achei muito interessantes estes seus posts sobre a imodéstia e gostaria de saber se eles fazem parte de uma apostila...
Seria possível colocar em meu blog para q as pessoas possam baixá-la??
Meu blog é o alexandriacatolica.blogspot.com

Fica com Deus
Tania

Postar um comentário

Salve Maria!

Que o Espírito Santo conduza suas palavras. E que Deus nos abençoe sempre.

***Caso o comentário seja contrário a fé Católica, contrário a Tradição Católica SERÁ DELETADO, NEM PERCA SEU TEMPO!
***Para maiores esclarecimentos: não sou adepta deste falso ecumenismo, não sou relativista, não sou sincretista, não tenho a mínima vontade de divulgar heresias; minha intenção não será outra a não ser combater tudo que cito acima!

Por fim, penso que esclarecidas as partes, que sejam bem vindos todos que vierem acrescentar algo mais neste pequeno sítio.